Blog

 

 

China libera reservas de potássio, veja como isso afeta o mercado de fertilizantes

 

A Copadubo está atenta com o mercado de fertilizantes e de olho na China, que divulgou que vai entrar no jogo e manter a oferta e os preços dos fertilizantes estáveis. Uma das ações já tomadas nesta semana foi a liberação de potássio para garantir que as importações não sejam afetadas.

A Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma (NDRC, na sigla em inglês) disse que foi um dos 13 departamentos do governo que emitiu um aviso exigindo que as empresas priorizassem o fornecimento de matérias-primas e energia aos fabricantes de fertilizantes. Ou seja, se o problema era a falta do insumo, agora esse problema será resolvido.

Vale ressaltar que a capacidade de transporte para as importações de fertilizantes será garantida e as taxas de utilização da capacidade nas empresas de fertilizantes aumentadas.

A China depende do mercado de importações de potássio e, como a oferta está complicada pela falta de contratos de importação firmados com fornecedores no início do ano, essa medida vem para movimentar a reta final de ano e comecinho de 2022.

A medida pode ajudar no equilíbrio dos preços praticados pelo mercado, visto que os preços do cloreto de potássio subiram 61% entre janeiro e julho deste ano.

Entraram nessa conta:
– Aumento dos preços das matérias-primas
– Oferta doméstica restrita e
– A já citada ausência de contratos desde janeiro.

Vamos ficar atentos!

Comentários Facebook