Blog

 

 

Fertilizantes: 2021 vai fechar bem e 2022 começa com tudo!

 

Com todos os obstáculos criados em 2021 que você acompanhou no blog da Copadubo (COVID seguiu em alta, China criando desafios para o mercado e dólar alavancando os valores praticados no mercado), o cenário para 2022 será muito bom para o setor de fertilizantes aqui, no Brasil.

Podemos certificar esta perspectiva após os dados da Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda) que atestou que as entregas de fertilizantes no Brasil vão finalizar este ano crescendo algo próximo de 14% contra o ano passado. É um grande avanço que já foi registrado entre janeiro e setembro e, nesta reta final, vai se consolidar em alta.

As entregas já atingiram a marca de 33,7 milhões de toneladas nos nove primeiros meses deste ano, igualando a alta de 14,3% de 2020, mas como ainda temos os últimos meses para incluir nesta conta – e com o ritmo forte que vivemos agora – pode ser que tenhamos números expressivos como há muito não se via.

Ponto mais que positivo para este setor que logrou atender demandas adicionais mesmo com preços elevados e as barreiras logísticos relacionados à pandemia que geraram novos gargalos.

Um termômetro interessante é que não tivemos desabastecimento, que era a maior preocupação! Os produtores rurais conseguiram manter o ritmo e quem lida com importação e exportação de fertilizantes conseguiu lidar com a balança do que entra e sai – com muita gente já antecipando contratos para 2022.

É questão de tempo para que o setor volte ao normal e, pelo que sentimos, até melhor do que antes da pandemia!

Comentários Facebook