Blog

 

 

Inspeções chinesas nas exportações pode agravar oferta nos insumos, como fertilizantes

 

O mundo está em alerta com a China que começou a inspecionar exportações – incluindo cargas de fertilizantes que estavam prontas para serem embarcadas e já estão passando por inspeções adicionais . O atraso pode ser maior para algumas cargas que precisam também de novos certificados de exportação para saírem dos portos chineses.

O que pode acontecer de fato? Veja aqui no blog da Copadubo alguns detalhes…

Esta especulação do mercado como as restrições do governo chinês e um possível agravamento no giro mundial de insumos – que poderiam ser redirecionados para o mercado internacional – e essa mudança nas regras do jogo foi criada para proteger o mercado chinês.

A Administração Geral das Alfândegas da China informou que as inspeções sobre os fertilizantes já estaria em vigor desde a semana passada para 29 produtos, como ureia, DAP, MAP, NPK, NP / NPS, MOP, SOP, cloreto de amônio e fertilizantes de nitrato de amônio.

O resultado? Preços internacionais seguem encontrando espaço para aumento e, ao que tudo indica, não há limite…

Os valores podem bater recordes e afetar produtores, que teriam que desembolsar mais pelos mesmos produtos que estavam acostumados a adquirir. E vale lembrar que este choque de oferta dos insumos afeta não apenas fertilizantes e defensivos e já começa a dar sinais na retomada econômica global, ou seja, na produção em si.

Vale ficar atento com a Copadubo sobre a questão chinesa!

Comentários Facebook